Arquivos mensais: setembro 2015

Como ter acesso à PMBA?

Como ter acesso à PMBA?

Uma instituição democrática não pode estar indisponível àqueles a quem presta seus serviços. Quanto mais meios tiver para buscar se relacionar com o cidadão, mais facilmente cumprirá seu objetivo de estar aberta ao público, tomando conhecimento do que a sociedade percebe e anseia. Organizar-se democraticamente é ser transparente, acessível e diligente.

Por isso a Polícia Militar da Bahia está sempre em busca de entrar em contato com o cidadão, seja em escolas públicas ministrando palestras sobre prevenção às drogas, seja perguntando a uma liderança local como anda a segurança dum bairro, seja expondo nosso trabalho em locais de grande circulação de pessoas, como shoppings e galerias. Agir democraticamente, para nós, não é uma atitude passiva, mas uma construção permanente de canais de acesso do cidadão à PMBA.

Atualmente já possuímos muitas formas do cidadão ou cidadã entrar em contato conosco. O primeiro deles é o contato direto com o policial militar nas ruas. Nossa tropa é orientada a atender imediatamente a chamados de qualquer pessoa, orientando em caso de dúvidas, colaborando com quaisquer demandas e obtendo o feedback do trabalho prestado.

“Agir democraticamente, para nós, não é uma atitude passiva, mas uma construção permanente de canais de acesso do cidadão à PMBA”

Também possuímos quartéis em todos os municípios baianos, onde você poderá se dirigir para entrar em contato com a PMBA. Use a lista telefônica do nosso site institucional, com e-mails e endereços de todas as unidades da Polícia Militar da Bahia. Lá você fica sabendo quem são os comandantes e subcomandantes das unidades, responsáveis por liderar a tropa de todas as partes do estado.

Hoje estamos presentes nas principais mídias sociais, como o Facebook, Twitter e Instagram. Além deste blog, alimento uma página no Facebook onde divulgo as ações do meu Comando para a comunidade. É uma forma bastante interativa e dinâmica de divulgar ações e obter um retorno da comunidade em relação ao nosso trabalho.

Caso queira fazer denúncias, críticas e elogios a nossa atuação, e não queira se identificar, você tem à disposição o site da Ouvidoria Geral do Estado, um canal de acesso direto às estruturas de comunicação, inteligência, planejamento operacional e correcional da Polícia Militar da Bahia.

Por fim, e não menos importante, você tem disponível, 24 horas por dia, o serviço 190, uma forma de acessar a PMBA em pronto emprego, para o caso de crimes em andamento ou recém-ocorridos e qualquer situação de risco. Em boa parte do território baiano nossas centrais de atendimento estão integradas com outras organizações de defesa social, e também realizam monitoramento por câmera dos municípios.

Como percebe-se, a PMBA possui ferramentas imprescindíveis para afirmar sua natureza democrática, transparente e pronta para atender o cidadão. Mesmo com toda essa estrutura, continuamos ininterruptamente em busca de melhor prestar nossos serviços à Comunidade, que é a razão de ser de qualquer instituição pública.

É a PMBA e a Comunidade na Corrente do Bem!

7 de setembro, orgulho e motivação

7 de setembro

Quando uma tropa está desfilando, a sincronia dos gestos, a vibração das passadas, a marcialidade e a elegância expressam a motivação e o orgulho institucional dos militares. Esses atributos caracterizaram os desfiles dos nossos policiais militares neste 7 de setembro, que receberam elogios e aplausos de cidadãos e cidadãs de toda a Bahia.

Fomos reverenciados por autoridades políticas, pela imprensa e pelo público em geral, incluindo crianças que, entusiasmadas com nossa apresentação, vibravam a bandeira do Brasil ao ver passar a tropa da Polícia Militar da Bahia.

Para nós, policiais militares, o empenho e a disposição que testemunhamos aumenta o orgulho que temos em pertencer a essa Corporação de homens e mulheres que se doam cotidianamente à segurança pública da sociedade, mesmo com o risco da própria vida.

Parabéns a todos e todas que superaram todas as expectativas no desfile cívico-militar do 7 de setembro, que não só encantou milhares de famílias em toda a Bahia, mas também renovou o espírito de todos nós para o cumprimento das missões que nos cabem.

É a PMBA e a Comunidade na Corrente do Bem!

Um convite à Corrente do Bem!

Um convite à Corrente do Bem

Resolvi escrever um texto aqui no blog para falar de uma das mais importantes decisões estratégicas que acabamos de tomar. Atualmente as nossas unidades operacionais fazem mensalmente cerca de 8.700 blitze em todo o estado, ações onde nossos policiais militares abordam os cidadãos, verificam a possibilidade de existência de alguma irregularidade, dão dicas de segurança e até buscam opinião sobre o trabalho que estamos realizando.

Esse tipo de ação tem a capacidade de prevenir muitos delitos, pois conseguimos flagrar suspeitos com armas de fogo, drogas e até pessoas com mandado de prisão em aberto. No primeiro semestre deste ano apreendemos 1.663 armas de fogo e recuperamos 2.509 veículos, uma demonstração clara da efetividade do nosso trabalho ostensivo.

Por isso, resolvemos passar de 8.700 blitzes mensais para mais de 13 mil em todo o estado, ampliando as ações preventivas em 50% na produtividade. A intenção é que aumentemos a sensação de segurança, realizemos mais apreensões e prisões, e tenhamos mais oportunidades para que nossa tropa dê orientações de segurança e obtenha um feedback do público sobre nosso trabalho.

Escrevi esse texto para convidar você, cidadão e cidadã, a compor essa Corrente do Bem pela segurança pública em nosso estado, sendo cooperativos com nossos policiais militares. Eles têm todas as orientações e treinamentos técnicos para atuar. Temos certeza que o aumento das nossas ações terá um efeito significativo, gerando mais paz e tranquilidade a todos e todas.

Contamos com você! É a PMBA e a Comunidade na Corrente do Bem!