Você é voluntário?

Você é voluntário?

Vivemos sob uma cultura onde parece que todas as ações precisam ser recompensadas. Ficamos até desconfiados quando percebemos alguém oferecendo ajuda sem buscar nada em troca. Logo dizemos: “quando a esmola é demais, o santo desconfia”. Mas, se olharmos bem, não é a ação interesseira que sustenta o mundo.

Todos nós, ainda bebês, tivemos o apoio, o carinho e a proteção de alguém que, sem receber nada em troca, dedicou suas energias para que nos formássemos enquanto seres humanos. E é assim que tudo se constrói: sempre há quem esteja disposto a doar algo de bom coração, com compaixão e caridade.

É incrível ver o efeito desse tipo de ação nas nossas Bases Comunitárias de Segurança, onde todo tipo de serviço é prestado por voluntários das próprias comunidades, e até pessoas de fora, que simplesmente se satisfazem com o sorriso e o engrandecimento dos moradores daquelas regiões. Nossos policiais militares muito frequentemente contribuem com atividades em seu horário de folga, por sentirem a importância daquela intervenção para cada membro da comunidade.

Pessoas da área de saúde que prestam atendimento, esportistas que ensinam suas técnicas desportivas, artistas que inspiram um novo olhar para a realidade: as incontáveis iniciativas que temos visto só ratificam o poder do voluntariado, da boa vontade, da compaixão e amor ao próximo.

A cada dia que passa, nossa Corrente do Bem é mais fortalecida pelo sentimento daqueles que acreditam na construção de uma sociedade melhor. Tenha certeza que, em algum lugar, alguém aguarda sua ajuda para mudar de vida. Precisamos nos voluntariar!

2 comentários sobre “Você é voluntário?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *